quarta-feira, 24 de outubro de 2012

A VERDADEIRA HISTÓRIA DE ANIVALE WELLATON E DE SEU PADRINHO GIRINO DE FRENTE E DE LADO

Eleição majoritária o Dudussaura Safadissimus nunca venceu nenhuma de forma afirmativa, sempre vence na base do menos pior.
Em 2000 se elegeu "Senador do Governador" por duas razões, o voto urbano independente não queria Elcione Barbalho entendendo que significaria a volta por cima do ex-marido "renunciado" para não ser cassado e votou no "huno" (cf. Bemerguy, Paulo). E o PT que não cumpriu o acordado com o PMDB. Enquanto os eleitores de Elcione descaregavam em Ana Júlia os de AJ só votavam na petista, resultado, Dudu Senador, não por seus méritos.

Quando se elegeu prefeito pela primeira vez, os fatores que contribuíram para sua eleição foram, o desgaste de 8 anos de uma administração errática do PT e um governo do PSDB com uma bem avaliada administração Almir que havia eleito seu sucessor. Mas uma vez, o nosso macunaíma tracuatense não se elegeu graças ao seu carisma pessoal, foram sempre as circuntâncias, foi sempre o homem errado no lugar certo, na hora certa.

Na reeleição, já desgastado, por tentar se tornar independente de seus pais terrenos Almir+Jatene e obter bençãos de Papai Luis InaCÉU. Durante essa tranfusão de DNA, enquanto não era nem carne vermelha nem tucano amarelo, ele correu perigo, encontrou um Priante em surpriendente ascenção, vigoroso e cheio de gás. As primeiras pesquisas apontavam a vitória do PMDBista e aí mais uma vez o fantasma do Barbalhão voltou a assustar e Ana Júlia o acudiu com generosas toneladas de asfalto.

Foi o medo do Barbaho e o providencial asfalto vermelho abençoado pelo Papai Lulalá que cortaram o cordão umbilical com o PSDB e, mais uma vez garantiram sua reeleição e não carisma e liderança pessoal.

Mas não há Nasciso que, mesmo com cara de filho de boto, não se veja, uma escultura de Fídias, ou baixando ao seu nível, um artista da Globo. Daí imaginar-se semi-deus com aspiração ao Olimpo. Foi o que aconteceu ao nosso "erói", aquela estatura entanguida refletida nas águas fétidas da vala da Estrada Nova pareceu-lhe ser um Cavaleiro de Jedib. Pareceu-lhe não, era um Cavaleiro de Jedi refletido na podridão da vala, assim belo e luminoso.

EU TENHO A FORÇA!!!

Gritou, e deu um chute no octogenário trazeiro de seu primeiro pai. Também não quis conversa com seu outro pai.

Esqueceu o calorososo seio de alfalto que o aqueceu em sua reeleição.

Pensou: Eu sou imortal, tenho o corpo fechado, ninguém vai deter a irresistível ascensão do boto Duciomar, e meu reino não terá fim, a prova de minha força é que vou eleger meu sucessor um poste.

ESTE É O MEU CANDIDATO,
ESTÁ PRATICAMENTE ELEITO:

O candidato era o Anivale Poste Wellaton!!!!

Mas Safadissimus espertissimo como é, logo percebeu que seu poste não empinava nem tonificado com doses cavalares de pílulas azuis.

Mudou de plano,
A campanha não seria do Anivale Wellaton para prefeito de Belém, transformado em mero coadjuvante.
A campanha passou a ser a do Dudusauro Safadissimo para governador, não, ele conhece o tamanho de sua pernas, enfrentar o Jatene na reeleção, ele não é besta.
A CAMPANHA ERA DO DUDUSAURO PRO SENADO.

3 comentários:

  1. Luiz Mário de Melo e Silva24 de outubro de 2012 08:38

    Defendo a tese que diz ser toda eleição a negação da anterior, pois os problemas da saúde, educação e segurança, para ficar em poucos exemplo, nunca são solucionados para manter o círculo vicioso que sustenta os políticos profissionais e toda estrutura eleitoral apodrecida. Duciomar e Lula são os mais vistosos garotos-propaganda desse teatro de horrores...

    ResponderExcluir
  2. prof, o que será feito a partir de agora em relação ao projeto do ex futuro vereador - graças a deus - gervásio , com a aprovação

    ResponderExcluir