quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

O REMO GOLEOU O BARCELONA

Quando eu vi, a foto no jornal, eu que sendo cético, não creio também em futebol -desisti de ser remista há mais de 10 anos- interpretando a emoção da foto concluí.

Neste tempo em que abandonei a fé no deus azul de Antônio Baena, o Filho da Glória e do Triunfo, como o chamam seus adoradores, cresceu, tornou-se grande time de expressão nacional e ontem a queima de fogos era por que ...

Sagrara-se campeão brasileiro, da libertadores, mundial, vencendo o Santos, o River, o Barcelona.

Que nada!

Festejavam vitória por 1x 0, sobre o Sta Cruz de Cuiarana, timeco do interior de Salinas, pelo campeonato paraense.

Segundo a crítica: o confronto foi equilibrado, logo no inicio da contenda por dois momentos a cidadela azulina esteve por ruir, mas o controle emocional do Leão da capital foi maior que o do Tigre interiorano. O clube de Periça deteve maior controle da pelota e com um bonito tento de Val Barreto venceu o jogo.

TUDO ISSO PORQUE VENCERAM UM TABAJARA DESSES DA VIDA

Bem fiz eu em ter economizado minhas energias sentimentais e as investido em outras coisas mais emocionantes.

O futebol é controlado por quadrilhas de bandidos no mundo inteiro. Vejam exemplos dos escândalos da FIFA, Avelange, Ricardo Teixeira .... as dúvidas que tinha perdí na final do Brasil e França, aquilo que rolou com Ronaldo nunca foi explicado, ele nunca mais se recuperou emocionalmente, o Ricardo Teixeira, Zégalo e Parreira estão envolvidos na jogada.

Mas estas máfias enchem os clubes de dinheiro, Berlusconi é dono do Milan, o futebol é uma das formas de lavar dinheiro sujo. Mas para isso é preciso ter um grande time que movimente milhões e no meio deste milhões vão se lavando outros milhões sujos.

O Pará tem uma das torcidas mais fieis do Brasil, apesar dos times de m que possuímos (para mostrar que sarei totalmente, o Remo e é 2m) as torcidas apoiam, acreditam, vão ao campo, as estatísticas mostram que os jogos aqui são campeões em público. O jogo Brasil Argentina no Mangueirão foi um expetáculo marcante na mídia nacional.
Mas este "capital" não consegue melhorar o nível do nosso futebol.
Cidades do mesmo porte Fortaleza, Goiania tem times sempre bem posicionados nacionalmente e de forma estável.

EU ACHO QUE O FUTEBOL É UM DOS INDICADORES DA NOSSA MEDIOCRIDADE.

É UM INDICADOR DE ESTAMOS RETROCEDENDO SOCIAL, POLÍTICA CULTURALMENTE.

NÃO TEMOS SIDO CAPAZES DE GOVERNAR O ESTADO, AS PRINCIPAIS CIDADES, ACABAMOS COM O NOSSO CARNAVAL, DESTRUÍMOS NOSSOS TIMES DE FUTEBOL.

Quando o estado ou as organizaçoes internacionais são incapazes de organizar atividades coletivas, grupos paralelos, "um estado paralelo", "ilegítimo", se organiza para executá-las, é assim que o jogo-do-bicho organiza o carnaval no Rio e afins, e outras organizaçoões criminosas o futebol, até no nível da FIFA.

Ô PARAZINHO! NEM GOVERNOS COMPETENTES PRA DAR PÃO, E SOBRETUDO SABER POSICIONAR-SE PERANTE O PODER FEDERAL

NEM MÁFIAS PARA DAR O CIRCO

(Mas ladrões de galinheiro, de pequeno e medio porte, ah, isso sim!)

(Tanto na provisão do pão como do circo.)

Respeitadas as exceções que confirmam a regra.

2 comentários:

  1. Que é isso Flávio? Futebol é o nosso retrato cultural, sem tirar nem por.

    ResponderExcluir